Notícias

30/03/17

Ato Contra o Aumento da Passagem e em defesa do Meio-Passe em Porto Alegre

Ato Contra o Aumento da Passagem e em defesa do Meio-Passe em Porto Alegre

Na última terça, dia 28, os estudantes de Porto Alegre tomaram as ruas da cidade contra o aumento da passagem de ônibus e em defesa do Meio-Passe dos estudantes.

O ato teve concentração na Escola Parobé, no centro da cidade, onde saiu em direção a EPTC, onde ocorria a reunião do Conselho Municipal de Transporte Urbano – Comtu, com mais de 1000 estudantes. Na EPTC, ocorreram as falas de estudantes denunciando o aumento, “ É mais fácil os estudantes derrubarem o prefeito do que perderem o meio-passe, vou entrar na reunião do Comtu e deixar claro que os estudantes não vão aceitar este aumento”, disse Erick Denil, presidente da União Metropolitana dos Estudantes Secundários de Porto Alegre - UMESPA, “Hoje nossa aula é na rua, para lutar contra o aumento  e deixar claro que não vamos aceitar ninguém mexer nos nossos dieitos” frisou Marcos Prestes, presidente da UGES. Os ato seguiu em direção a prefeitura, no meio da passeata mais estudantes iam chegando no ato, na prefeitura, os estudantes encerraram o ato deixando seu recado para o prefeito Nelson Marchezan.

A EPTC encaminhou a proposta de R$ 4,05 para o Comtu, que foi aprovada com apenas 3 votos contrários da UMESPA, UAMPA e CUT.

Segue na íntegra a convocatória da UMESPA para o ato:

R$ 4,05 é roubo, NÃO ao aumento da passagem

Em Defesa do Meio-Passe!

      Na próxima terça feira, dia 28, acontecerá a reunião do Conselho Municipal de Transportes Urbanos – Comtu, para votar o aumento da passagem, o valor encaminhado pela EPTC é de R$ 4,05, um aumento de 30 centavos, que equivale a 8 %, ou seja maior que a inflação que é de 5,43 %.
      Todo ano é a mesma história, se aumenta a passagem acima da inflação, enquanto os ônibus continuam lotados, a licitação só serviu para trocar a cor dos ônibus. O Brasil já está com mais de 23 milhões de desempregados, os ajustes fiscais, PEC da Morte, proposta de Reforma da Previdência e Trabalhista só servem para passar nosso dinheiro aos bancos, tudo aumenta menos o salário do trabalhador, o povo não pode pagar por essa crise, no caso da passagem de ônibus, que saia do lucro dos empresários.
     Também não aceitaremos que mexam nos direitos dos estudantes, o Meio-Passe é um direito conquistado e mantido com muita luta, não aceitaremos retrocessos e queremos ampliar ainda mais conquistando o Passe Livre para todos os estudantes de Porto Alegre.
    No dia 28, vamos lotar as ruas de Porto Alegre para barrar este aumento da passagem e defender o Meio Passe.
União Metropolitana dos Estudantes Secundários de Porto Alegre – UMESPA